Participantes da Carreata Marcha para Jesus contam suas experiências

Atualizado: Nov 3

Para evitar aglomerações, neste ano, a Marcha para Jesus ganhou um formato diferente. Os participantes percorreram as ruas da capital paulista, mas dentro de seus automóveis. Assim como em outras edições, muitos vieram com os pedidos de oração na sola de seus calçados.

“A fé e o amor são as forças mais poderosas do universo. Na Marcha para Jesus, independente do formato, nós manifestamos nossa fé e o nosso amor por Cristo! Nós mostramos que há poder na oração e que o clamor do justo muito pode em seus efeitos!”, declarou Apóstolo Estevam Hernandes, presidente do evento no Brasil.

O trajeto de 12 quilômetros – que partiu do Obelisco do Ibirapuera e se encerrou no Pavilhão de Exposições do Anhembi – foi animado por seis trios elétricos. O final do evento foi marcado por um mega show no estilo drive-in.

Na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, foi montado um posto de arrecadação de alimentos para as próximas ações sociais da Igreja Renascer em Cristo, que, só na pandemia, distribuiu mais de 100 mil cestas básicas.

Acompanhe, a seguir, alguns depoimentos dos participantes das carreata:

“Faz 25 anos que eu marcho para Jesus. Pela conjectura atual, essa edição foi histórica e mostrou, mais uma vez, o pioneirismo da Igreja Renascer em Cristo e que é possível avançar, independente das dificuldades e, ainda, quebrar recordes, formando a maior carreata da história do nosso país”, afirmou o empresário Rafael de Moura, de Vinhedo.

“A Marcha para Jesus representa para mim a pregação do evangelho, pois, independente do formato do evento, levamos o amor de Deus. É um dia de celebração, de declarar para todos que somos filhos de Deus. Tudo é pra honra e glória do nome do Senhor Jesus Cristo. É o dia de em que cada um de nós, como igreja, cumprimos o ide”, destacou a estudante Stephany Ono, de Jundiaí.

“Foi a minha primeira Marcha e, com certeza, ficará para sempre na minha memória. A Marcha pra mim é um avivamento espiritual e uma prova de que nunca seremos limitados pelas circunstâncias!”, declarou o prestador de serviços gerais Rafael da Costa, de Bragança Paulista.

“Hoje foi um dia memorável. Declaramos que o único Senhor do Brasil é Jesus. Foi a verdadeira união do Corpo de Cristo”, afirmou assistente de compliance Patrícia Silva, de Caieiras.

“Foi fantástico! Eu nunca vi uma quantidade tão grande de carros concentrados com o mesmo objetivo. Marchar para Jesus, mesmo dentro do automóvel foi uma experiência indescritível. Em um momento em que muitas pessoas não podem sair de casa, é um privilégio poder sair e ainda louvar ao nosso Deus! Sem contar que ainda pudemos abençoar outras famílias com nossas doações. Foi uma linda manifestação de fé e solidariedade”, disse o empresário José Claudio Rodrigues, de Campinas.



Redação

14 visualizações